Showcase 2021

25-27 de novembro de 2021 | Marina da Glória - Rio de Janeiro, RJ

 

 

Addwood – Impressão 3D de móveis de madeira

Produção de móveis com eficiência de materiais e sustentável, com o uso de resíduos da indústria da madeira.  

Objetivo

No projeto addwood, o objetivo é fabricar peças complexas de madeira, matéria prima renovável, de forma a poupar ao máximo materiais e recursos. Para isso, é desenvolvido um processo de fabricação adicional para a madeira, também conhecido como impressão 3D, que não só utiliza o recurso madeira de forma mais eficiente, como também estabelece novos padrões de design na produção de móveis.

Tarefas

  • Desenvolvimento de material: desenvolvimento de um novo material à base de madeira processável aditivamente, com base em resíduos da indústria de processamento de madeira, que até então eram usados de forma limitada.
  • Desenvolvimento do processo: transferência do processo para uma escala piloto
  • Produção de protótipos: produção de móveis e avaliação de sua comercialização

Status Quo

Na produção de produtos de madeira, tradicionalmente são utilizados processos subtrativos, nos quais os componentes são cortados ou fresados a partir de um pedaço de madeira. Isso resulta em resíduos e aparas de madeira. Em processos aditivos, por outro lado, os componentes são construídos camada por camada. Uma vez que o material à base de madeira fica por completo na peça pronta ou disponível para a produção da próxima peça, o processo aditivo caracteriza-se por uma melhor eficiência de material.

A produção aditiva de produtos teve um grande avanço nos últimos anos e já é utilizada em vários ramos da indústria. No entanto, na maioria das vezes os plásticos são utilizados como material para a impressão de produtos e os materiais naturais praticamente não são usados até o momento. A produção aditiva de madeira também não pôde se estabelecer, pois ainda não há disponibilidade de nenhum material e processo comercializável.

Vantagens

O processo de produção aditivo é um processo pioneiro que pode modificar fundamentalmente o ramo da indústria de fabricação de produtos de madeira e, com isso, abrir novas áreas de negócios. Além disso, ele oferece um grande potencial para tornar a produção mais sustentável: por um lado, os produtos de madeira são fabricados sem desperdício e, por outro lado, o material residual em forma de lascas de madeira das oficinas de carpintaria que até então era utilizado essencialmente apenas para a produção de energia, agora serve como material de base. Outra vantagem é que formas complexas podem ser fabricadas por meio da produção aditiva. As chamadas formas livres oferecem aos arquitetos uma maior liberdade de design, não apenas na produção de móveis, como também, de maneira perspectiva, em componentes de prédios.

Dados e parceiros do projeto

  • Subprojeto 1: Materialentwicklung und Upscaling, Technische Universität Dresden, Fakultät für Umweltwissenschaften, Professur für Forstnutzung
  • Subprojeto 2: Upscaling, Materialästhetik, Nachbearbeitung, Gestaltung und Herstellung von Prototypen, Westsächsische Hochschule Zwickau

Duração do projeto:

Abril de 2020 – Março de 2023

Informações adicionais podem ser encontradas aqui:
Subprojeto1: FKZ 2220HV034A
Subprojeto 2: FKZ 2220HV034B

Impressão em 3 com material à base de madeira.
Foto: Dr. Michael Rosenthal

Peças de madeira impressas.
Foto: Dr. Michael Rosenthal 

Follow by Email
LinkedIn
Share